.
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

RESENHA #52: O LAGO NEGRO, DE JULIANA DAGLIO

Ficha Técnica

Título Nacional: O Lago Negro (Skoob)
Série: Lago Negro – Livro 1
Autora: Juliana Daglio
Editora: Arwen
Ano: 2015
ISBN: 9788568255117
Páginas: 368
Formato: 16,8 X 24,3 cm
Acabamento: Brochura
Gênero: Fantasia, Romance, Suspense





Sinopse

Verônica é uma garota problemática marcada por um passado traumático do qual mal se lembra, mas que lhe tirou o direito à total sanidade.
Ao se mudar para o interior, depois de passar no vestibular, ela se depara com o local perfeito para se inspirar e, finalmente, transformar seus personagens imaginários em um livro. Lagoana é uma cidade nebulosa, úmida, habitada por almas quietas e pouco amigáveis. Porém, o clima obscuro não despertará somente a criatividade, mas também acordará seus fantasmas mais profundos.
Prestes a perder o controle sobre sua trama e sua mente, Verônica conhece um estrangeiro de sorriso cafajeste e olhos azuis e, desconfiada de suas intenções, ela guarda segredo quanto ao seu livro, mas não sabe que Liam também tem os seus.
Verônica nem desconfia, mas eles podem ser a chave para os mistérios que a rondaram durante toda sua vida. Assim, o lago negro de sua imaginação será, definitivamente, o estopim para toda sua loucura emergir. O que será que ele esconde no fundo de suas águas escuras?


Book Trailer




Autora

Vinte e poucos anos, Psicóloga Clínica, apaixonada por Psicanálise, viciada em Livros e amante do Rock Britânico. Desde criança foi vidrada em faz de conta e inventava inúmeros personagens para conversar. Assistia a filmes sobre vampiros já aos seis anos, mesmo que tivesse que se esconder atrás do sofá. Na adolescência, dizia que iria ser uma Libélula. Hoje em dia se diz uma adulta confusa, que ainda adora vampiros, não ganhou asas de libélula, mas escreveu um livro sobre elas, transformando seus personagens inventados em pessoas reais, embora sejam feitas de tinta e papel.


Opinião

A princípio, eu li este livro em pdf, através de um projeto chamado Turma do Livro, em que temos metas semanais de leitura. Eu achei que seria difícil cumpri-las, porém terminei o livro 1 ou 2 semanas antes do prazo. Já havia encomendado meu exemplar na Arwen e quando ele chegou, já tinha acabado a leitura. Comparei algumas partes de ambos (pdf e físico), e agora contarei minha opinião sobre a obra.

O livro inicia-se com um garotinho sonhando com uma menina, e ela acaba entrando no Lago Negro. Há um corte na cena e pulamos para outra, na qual alguém descreve um momento de tensão, presa no porão com um bebê, correndo risco de vida. Em um retrocesso, conhecemos toda a história até chegar nesse ponto.

Verônica Cattani é uma moça diferente. Não possui amigos, seu relacionamento com sua mãe não é bom, adora sua avó paterna e passa a viver com seu namorado de longa data, Enzo, quando eles se mudam para Lagoana a fim de cursarem faculdade. Lagoana é uma cidade do interior, distante umas duas horas da capital São Paulo. Nesta cidade, a população odeia os estudantes e não esconde isso. Além do mais, seu clima sempre enevoado dá indícios de mistério no ar.

A protagonista e narradora da história, possui um trauma profundo na alma e, para superar sua suposta esquizofrenia, vive a base de remédios. Um dia, passeando, ela avista uma casa no topo da montanha e conhece um casal peculiar e recluso, donos da empresa Purificat. Passa a trabalhar para eles como babá de sua filha Lizandra, um bebê que não chora.

No meio disso tudo, ainda consegue fazer uma amizade e também conhece Liam, filho de um professor dela chamado Carlos Velásquez. Cada qual possui seus próprios segredos e motivações, e não os revelarão assim, de bandeja. Nem quando precisam unir forças por um objetivo maior.

Verônica também tem sonhos muito reais, alguns com seu pai e outros onde vê uma menina de olhos violetas e cabelos vermelhos chamada Liriel e um menino que nunca cresce, de capa vermelha. Ela cria um livro, chamado “O Lago Negro”, onde conta a história desses personagens. A intenção é somente tirar essa história da cabeça, exorcizá-la e tentar recuperar seu equilíbrio mental. Mas e quando ela percebe que o que ela havia escrito começa a acontecer na vida real? Seria coisa de sua cabeça, insanidade, ou seria algo mais profundo?

É muito difícil falar deste livro sendo sucinta ou sem soltar algum spoiler, mas eu tentei ao máximo. A narrativa é bem mais densa do que o que eu expus aqui, com uma riqueza de detalhes magnífica. Além disso, a ideia de um livro dentro de outro (dois Lagos Negros), foi um grande diferencial. Enzo não me atraiu em nenhum momento...já Liam, arrancou suspiros e teve toda minha torcida. Eu quase tive um treco quando soube que há mais livros da série por vir, porque na verdade existe um “desfecho”, mas ainda fica muita coisa em aberto, por esclarecer.

A Juliana ganhou uma fã, agora quero ler tudo que ela publicar, incluindo, claro, os próximos volumes de “O Lago Negro”. Que saiam logo!! Mais do que recomendado para todos que amam uma fantasia com mistério e uma pitada de loucura.
   

Frases Marcantes

“Ambas, loucura e sanidade, são fatores que nos fogem do controle, por isso precisam de representações. Seres humanos costumam criar símbolos para dizer a si mesmos que não perderam o controle sobre algo, quando na verdade nunca o tiveram.

“Dizem que o passado é algo que vive dentro de você, por mais esforços que faça para esquecê-lo. Dizem que ele molda seu futuro, que influencia suas decisões e que acaba passando a fazer parte de quem você é, não importando o que escolheu fazer com ele.”

“Pessoas lúcidas é que vivem de incertezas, os loucos tem certezas demais e por isso vivem em outro mundo.”


Capa e Diagramação



A capa é aveludada e possui as cores que mais gosto, adorei! Os capítulos sempre se iniciam em uma nova página, que são amareladas. A diagramação está primorosa. Possui orelhas.
A letra possui um tamanho razoável, o espaçamento é bom e a numeração das páginas fica centralizada na parte inferior. Não verifiquei tudo, mas notei que alguns erros permaneceram após a revisão.


Nota



Onde Comprar



O livro é uma cortesia da autora Juliana Daglio. A resenha realizada aponta pontos positivos e/ou negativos encontrados pelo autor do post no decorrer da leitura. A opinião do autor é pessoal e independente da editora e/ou autora do livro.


Postado por


2 comentários :

  1. Amanda, adorei sua resenha!
    Fiquei muito feliz que tenha gostado e das frases que você destacou. É um prazer poder ver meu livro resenhado aqui, tão carinhosamente.
    Muito obrigada!!! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico contente, Jú!
      Pode contar sempre com meu carinho, pois sua escrita já me conquistou!
      Beijos.

      Excluir