.
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

RESENHA #97: LUZ DE INVERNO, DE KEILA GON

Ficha Técnica

Título Nacional: Luz de Inverno (Skoob)  
Série: Saga Cores – Livro 3
Autora: Keila Gon
Editora: Mundo Uno
Ano: 2016
ISBN: 9788567218038
Páginas: 480
Formato: 22,9 X 16,0 cm
Acabamento: Brochura
Gênero: Fantasia, Romance, Young Adult





Sinopse

Poder, lealdade, esperança... Um amor escolhido pelo destino venceu as sombras e agora descobrirá seu poder.
Uma história que ganhou vida em palavras; almejou o impossível, encantou e emocionou leitores, chega agora ao seu final. No último volume da trilogia, a verdade chegará iluminada por confrontos decisivos. O amor de Melissa e Vincent se fortalece, mas sua união desperta o interesse pelo poder. Esta herança promete ser o novo alicerce para o Mundo Mágico, a diferença entre vitória e derrota... O desejo de que o futuro seja apenas o começo.
Inspire-se com esta jornada entre Sombra e Luz, e descubra, junto com Vincent e Melissa, a magia escondida no amor.


Opinião

Este livro é o terceiro e último volume da saga “Cores” e pode conter SPOILERS dos livros anteriores. Leia as resenhas de “Cores de Outono” e “Sombras da Primavera”.

A narrativa prossegue em primeira pessoa, e além dos pontos de vista de Melissa e Vincent, que ganhou um pouco mais de espaço, há uma pequena participação de Armand Poe e Alice Wels, expandindo nossa visão sobre os personagens e suas respectivas opiniões.   

Melissa conseguiu resgatar seu amor Vincent na Dimensão das Sombras e, antes disso, deixou seu amigo Arthur bem encaminhado com sua melhor amiga Rose. De volta ao Mundo Físico, ela precisa aceitar informações de seu passado que desconhecia, em especial sobre seu pai e avô, enfrentar a descoberta e presença de novos parentes, e despertar seu poder ao máximo. Sim, ela possui uma herança mágica, assim como a irmã Alice.

A protagonista finalmente terá que escolher de qual lado quer ficar em definitivo: Mundo Físico ou Mundo Mágico. Qualquer que seja sua escolha, acarretará em perdas; porém, acho que a escolha e suas consequências não devem surpreender, pois são bem óbvias. Ludwig prossegue sedento por poder e tem aliados, cujas identidades são desconhecidas dos demais (claro), e lhe passam informações. Victor, o senhor da Dimensão das Sombras, poderá tanto ser um aliado quanto uma ameaça.  

O que mais gostei neste último volume foi o modo como a autora trabalhou a diferença de tempo entre os dois mundos. Ficou bastante interessante! O que menos gostei foi que, em alguns momentos, as coisas pareciam não se desenvolver, especialmente quando havia repetição de alguns trechos pelo ponto de vista de outro personagem. Eu ficava numa expectativa, para em seguida vê-la frustrada.

Vincent continua um ciumento intempestivo e Melissa uma inconsequente impulsiva. É um casal muito explosivo para o bem do mundo, rs. Em algumas cenas, estava na cara que ela não deveria tomar determinada postura ou ir atrás daquela pessoa, e mesmo assim ela ia, e isso me deu uma raiva, que não sei nem como colocar em palavras! Cheguei a xingá-la mentalmente muitas vezes. Mas ainda bem que há uma evolução em suas personalidades. Uma hora precisa, né?

De um modo geral, achei que a trilogia se manteve num bom patamar, sempre com revelações e trabalhando a fantasia com boas doses de romance. Acredito que seja ideal para amantes do gênero e, além disso, servirá para pessoas que adoram romance e querem entrar devagar no mundo da fantasia.

Ficou um bom gancho para um spin-off, mas pelo que sei, a história realmente termina aqui. Com a mudança de Editora, as capas dos volumes anteriores sofreram uma repaginada. Recomendado!


Frases Marcantes

“Estreitei os olhos para ele, desanimada. Algo me dizia que tê-lo como professor não seria tão divertido quanto imaginei.”

“Voltei meus olhos tristes para George e percebi que agora havia um abismo entre nós: o conhecimento. Um poder tão absoluto quanto a magia.”

“Em seu lugar, outra fonte motivadora correu por minhas veias: a tal esperança. Algo que temi por muito tempo, mas passei a aceitar como aliada e não como minha ruína.”

“ — Às vezes a ignorância é uma dádiva protetora. A descoberta transforma, mas nem sempre para um caminho melhor.”

“Muitas vezes as palavras são pequenas para seus significados. Use-as com sabedoria, minha filha.”

“ — Algumas coisas precisam acontecer na hora em que têm que acontecer. É como o amor... que pode ser uma prisão, mas também tem poder para libertar.”


Capa e Diagramação


A capa é toda fosca e trabalhada no azul. Os capítulos sempre se iniciam em uma nova página, que são amareladas. Possui orelhas.
O tamanho da fonte e o espaçamento são bons. A numeração das páginas fica na parte inferior externa, e as páginas que iniciam capítulos não são numeradas. Há vários erros de digitação/revisão, mas que não chegam a prejudicar na leitura.


Book Trailer



Nota




Autora

Paulistana e filha de pais ventureiros, Keila Gon viveu boa parte da infância em Minas Gerais, onde desfrutou de amizades inesquecíveis e compartilhou com a irmã mais velha o contato com a natureza. Este ambiente repleto de mitos e liberdade sempre instigou sua imaginação. Amante dos livros de romance e ficção, é apaixonada pelo mundo da fantasia desde criança.
Cores de Outono foi seu livro de estreia, Sombras da Primavera é o segundo volume desta trilogia que chega ao fim com Luz de Inverno.
Atualmente reside em Campinas, SP, com o marido, a filha e um gato.


Onde Comprar



O livro é uma cortesia da autora Keila Gon. A resenha realizada aponta pontos positivos e/ou negativos encontrados pelo autor do post no decorrer da leitura. A opinião do autor é pessoal e independente da editora e/ou autora do livro.





Postado por



Nenhum comentário :

Postar um comentário