.
Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

sábado, 21 de janeiro de 2017

RESENHA #31: ANIMAIS FANTÁSTICOS E ONDE HABITAM

Ficha Técnica

Título Nacional: Animais Fantásticos e Onde Habitam
Título Original: Fantastic Beasts and Where to Find Them
Lançamento: 17 de Novembro de 2016 (2h13min)
Dirigido por: David Yates
Com: Eddie Redmayne, Katherine Waterston, Dan Fogler, Alison Sudol, Colin Farrell, Ezra Miller, Johnny Depp
Nacionalidade: EUA, Reino Unido
Gênero: Fantasia, Aventura






Sinopse

O excêntrico magizoologista Newt Scamander (Eddie Redmayne) chega à cidade de Nova York levando com muito zelo sua preciosa maleta, um objeto mágico onde ele carrega fantásticos animais do mundo da magia que coletou durante as suas viagens. Em meio a comunidade bruxa norte-americana, que teme muito mais a exposição aos trouxas do que seus colegas ingleses, Newt precisará usar todas suas habilidades e conhecimentos para capturar uma variedade de criaturas que acabam fugindo.


Opinião

Este foi o filme mais aguardado de 2016, para mim. Apaixonada como sou pelo universo criado por J. K. Rowling, fiquei empolgadíssima com a oportunidade de voltar ao mundo de Harry Potter. Ou melhor, anterior ao bruxinho favorito de todos os tempos.

Acredito que quem é fã se lembrará de um dos livros utilizados em Hogwarts pelos estudantes, intitulado “Animais Fantásticos e Onde Habitam”, por Newt Scamander. Pois o filme traz justamente Newt como o protagonista. Sendo um magizoologista, Scamander entra em Nova York com uma maleta cheia de animais fantásticos. Tal atitude não seria permitida, por isso ele os esconde na maleta, já que há um objetivo para um dos animais que ele faz passar ilegalmente nos Estados Unidos.

Acontece que Nova York está enfrentando ataques mágicos de origem desconhecida ou, pior ainda, feitos pelo vilão Grindewald, e os bruxos temem serem expostos para os não-maj (trouxas). Nesse cenário, alguns dos animais de Newt conseguem fugir e Jacob, um cara comum, acaba envolvido. Porpentina, uma ex-Aurora, e sua irmã Queenie, uma Legilimente, acabam formando um quarteto em busca dos bichinhos pela cidade.

Só que Porpentina tomará a péssima decisão de entregar Newt para a Macusa (uma espécie de Ministério da Magia dos EUA) e isso só complicará a situação de todos. Não que ela seja má, longe disso. Ela só quer fazer o que considera correto e recuperar seu posto de Aurora.

Enfim, acho que já deu para ter um panorama da história. Muito bem construído, este longa é apenas o primeiro filme desta franquia, algo que muito me agrada.

Os personagens são fortes e o amor de Newt por seus animais me encantou. Senti falta de uma maior participação do Johnny Depp, mas sei que pros próximos existirão mais cenas dele. Uma pena ter que aguardar até 2018 para isso... Só de escrever esta breve opinião, já tenho vontade de assistir novamente! E é o que farei, agora! 




Trailer



Nota 



Postado por


3 comentários :

  1. Quero muito assistir esse filme, porém infelizmente não tive oportunidade de ir aos cinemas. Fiquei bastante entusiasmada em saber que você amou essa adaptação, e que eles conseguiram recriar essa trama de forma maravilhosa.

    ResponderExcluir
  2. Gostei demais do trailler. Quanto ao filme ainda não o assisti mas gostaria primeiro de ler o livro para depois assistir ao filme. Não gosto de fazer comparações e sei que o livro apresenta muito mais fatos do que o filme, que devido ao tempo, tem que ser reduzido. Mas tenho ouvido falar muito bem de ambos e isso é um passo importante para me deixar curiosa. A capa do livro não é tão bonita quanto a do filme.

    ResponderExcluir
  3. Eu amo esse filme, mas ainda não consegui vê-lo mais que uma vez. Assim como você sou apaixonada tbm pelo universo criado por J. K. Rowling.
    Eddie Redmayne deu um show atuando em animais fantásticos assim como faz em todos os trabalhos dele, não vejo a hora de lançarem as continuações e poder ver mais do Credence nos filmes futuros.

    ResponderExcluir